21 December, 2014

Educação financeira

by Carolina Bastos No Comments
Comprar um sapato da moda ou um celular novo é muito bom né? Pois é, mas a compra por impulsividade pode causar uma felicidade momentânea e adiar objetivos como a conquista da casa própria, a troca do carro ou até mesmo aquela viagem dos sonhos. Brasileiros tem como perfil pensar somente no "hoje",  e com isso não poupam em fundos de investimento como previdência privada ou poupança por exemplo.
Crie metas, seja perseverante no objetivo, reserve uma porcentagem do seu salário para fundos de investimentos. Para quem não tem esse costume, o começo pode ser complicado, mas com muita dedicação isso pode virar uma rotina, pense em guardar o dinheiro, como se fosse pagar uma conta, faça disso uma obrigação.
Uma dica válida é montar uma planilha e organizar toda a sua despesa, coloque seu salário gastos com alimentação, transporte, saúde, edução e poupança
Sabe quando voce abre a janela e vê o vizinho com um carro novo? É comum as pessoas pensarem "Nossa, fulano está ganhando bem." quando na verdade pode ter havido uma organização financeira. independentemente do salário (pouco ou muito), quem poupa pode conseguir muitas coisas. Esteja preparado para imprevistos.
Há aproximadamente seis meses consegui organizar melhor os gastos. Como já citei no exemplo, montei uma planilha e detalhei todos os meus gastos, e reservo aproximadamente 30% do salário para poupança, isso vem dando certo graças a essa organização, consegui fazer minha primeira viagem para Europa.

Créditos Jeff Belmonte



Dicas para o sucesso:


  • Para quem gosta de fazer muitas compras, estipule uma cota de gasto por mês para esta finalidade;
  •  A mesma regrinha vale para os cartões de crédito. Não precisa cancelar o seu cartão, mas também não precisa gastar todo o seu limite;
  • Retire a palavra cheque especial ou lis do seu vocabulário, ou melhor, retire essas palavras da sua vida;
  • Não retire da poupança o dinheiro poupado, em qualquer "necessidade", esqueça que ele existe;
  • Mantenha-se sempre focado e motivado. Pense nos seus objetivos, assim terá mais forças para seguir guardando seu dinheiro;

Esse é um modelo da planilha que montei para controlar os gastos,  depois de tudo estipulado, o oque sobrar (se sobrar) esta liberado para gastar como desejar.
Uma aba para cada mês, assim pode ir acompanhando sua evolução financeira, na ultima planilha tem uma consolidação dos gastos que prevê um saldo de tudo que foi possível economizar e os gastos anual em cada categoria:


  • Investimentos
  • Transporte
  • Alimentação
  • Saúde
  • Educação
  • Cartão de Crédito
  • etc;




Assim é possível identificar quais são os principais gastos, oque da para cortar e oque é indispensável.

Sucesso!!!